sábado, 18 de agosto de 2018

A Oração Insistente


E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,
Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem.
Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário.
E por algum tempo não quis atendê-la; mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens,
Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito.
E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz.
E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles?
Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?

Lucas 18:1-8

E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,
Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem.
Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário.
E por algum tempo não quis atendê-la; mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens,
Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito.
E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz.
E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles?
Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?

Lucas 18:1-8
E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,
Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem.
Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário.
E por algum tempo não quis atendê-la; mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens,
Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito.
E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz.
E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles?
Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?

Lucas 18:1-8
 LC 18.1-8
E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,
Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem.
Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário.
E por algum tempo não quis atendê-la; mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens,
Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito.
E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz.
E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles?
Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?

Lucas 18:1-8
E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,
Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem.
Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário.
E por algum tempo não quis atendê-la; mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens,
Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito.
E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz.
E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles?
Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?

Lucas 18:1-8

Introdução: A pressa da justiça está vinculada a determinação na oração. Temos um dever na terra que precisa ser compreendido, a oração é o governo do Reino.
Quais são os grandes objetivos da oração insistente?
1.       RESTAURAR O REINO NA TERRA
Deus deu a terra aos filhos dos homens
Os céus são os céus do Senhor; mas a terra a deu aos filhos dos homens. Salmos 115:16
O governo da terra era nossa até o pecado quebrou o governo do homem, Jesus restaurou a nossa justiça pela fé para que nós possamos restaurar o Reino de Deus para o verdadeiro Senhor.
As palavras que saem da nossa boca precisam estabelecer o Reino na terra.

Precisamos clamar pelo arrependimento, pela transformação, clamar a verdade da Palavra reinando sobre as dificuldades da terra de forma insistente pois para todos os que propagam essa oração receberão de pressa a resposta da Justiça de Deus.

Não podemos mudar esse mundo mas nosso papel é salgar e iluminar então vamos orar para que as injustiças caiam por terra. É chegado o tempo do juízo onde Deus irá estabelecer a sentença sobre todos aqueles que não quiseram dar ouvidos ao chamado do seu amor.

2.      Fortalecer a nossa fé
Quando eu oro eu estou vinculando na minha própria mente o conceito e os princípios do reino. Vinculando a verdade que liberta e proclamando a mudança.
Quem ora por justiça será saciado e farto.

Os céus são os céus do Senhor; mas a terra a deu aos filhos dos homens. Salmos 115:16

A fartura virá sobre o que clama com insistência. Você tem sido insistente em orar ou tem se deixado vencer pela injustiça?
A fé é facilmente vencida quando não somos insistentes em crer. Precisamos manter a postura de perseverança e continuar insistentes naquilo que acreditamos.
Por isso precisamos ouvir e ouvir, orar e orar, adorar e adorar... é um processo continuo. Fé está sempre em movimento. Então se movimente para ganhar e ganhar vidas para Deus!

3.      Orar me coloca em conexão com a Vontade de Deus
Dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua. Lucas 22:42
Um dos grandes propósitos da oração não é mudar a vontade do Pai e sim a minha vontade se colocar em confiança na vontade dEle. A intimidade com Deus é fazer conhecidas as minhas suplicas e necessidades para que eu também consiga ouvir a vontade de Deus para minha vida.
Conclusão: nossas oração são aceleradoras do justo juízo do Pai e vão trazer a justiça à essa terra. Vamos clamar pelo Brasil, pelos políticos, vamos clamar pelos necessitados, vamos orar pela vida e Deus terá o prazer de trazer sua justiça de pressa.

Mas a primeira oração é essa: vamos orar para que as pessoas saiam do rumo da espada de Deus para entrarem debaixo do seu manto de Justiça. É simples é só se entregar agora ao Senhor Nossa Justiça (Jr. 23.6)
É tempo de salvação então vamos nos entregar.


sábado, 11 de agosto de 2018

CONDUZIDOS PARA FORA DA CEGUEIRA


Mc 8.22-26
Introdução: todos nós fomos curados por Jesus no que diz respeito a enxergar algo que antes dEle não conseguíamos ver. Por exemplo, eu não conseguia ver meu erro no alcoolismo, bebia todos os dias e nunca acreditava que isso era um vício até o dia que Jesus pegou nas minhas mãos e me levou para fora da aldeia da minha cegueira.

Todos nós temos uma “aldeia da cegueira” que pode ser um vício, um pecado, um namoro, uma amizade errada, ou até mesmo alguns sentimentos errados que nos fazem ficar cegos e enxergar nada ou apenas a parte que convém ao inimigo que enxerguemos.

ESSE HOMEM RECEBEU DUAS ORAÇÕES, MOSTRANDO DEUS A NÓS Que ALGUMAS COISAS NA NOSSA VIDA SÃO PROCESSUAIS. SEMPRE PRECISAREMOS DE UM SEGUNDO TOQUE DE CRISTO QUANDO O ASSUNTO É  ENXERGAR O QUE AINDA NÃO VEMOS CLARAMENTE.

Quais são as aldeias da cegueira que precisamos ser libertos e onde precisamos clamar por um segundo toque de Cristo:
FALTA DE COMPREENÇÃO SOBRE NOSSO PERDÃO
Por isso te digo que os seus muitos pecados lhe são perdoados, porque muito amou; mas aquele a quem pouco é perdoado pouco ama. E disse-lhe a ela: Os teus pecados te são perdoados.  Lucas 7:47,48

O AMOR EM RETRIBUIÇÃO (GRATIDÃO) É A CONSEQUENCIA NATURAL DE QUEM RECEBEU O PERDÃO DE DEUS.
QUEM NÃO AMA, QUEM VIVE CRITICANDO E ACUSANDO AINDA É CEGO E AFASTADO DE DEUS.
E a verdade é que todos nós precisamos de um segundo toque neste quesito em especial. Porque as vezes somos tentados a olhar para o quanto as pessoas falham conosco esquecendo do quanto Deus nos perdoou as falhas.
A bíblia diz que o grande teste de cegueira do oftalmologista Jesus é o cisco que as pessoas acham no olho do irmão vira a prova da trave que existe nos próprios olhos. Lc 6.42
Quem acusa não recebeu o perdão de Jesus e continua cego.
ALDEIA DA RELIGIOSIDADE É UMA CEGUEIRA
Sabendo que o homem não é justificado pelas obras da lei, mas pela fé em Jesus Cristo, temos também crido em Jesus Cristo, para sermos justificados pela fé em Cristo, e não pelas obras da lei; porquanto pelas obras da lei nenhuma carne será justificada. Gálatas 2:16
Muitos estão tentando ser aceitos no céu pelas boas obras que fazem. Alguns servem a estátuas, outros servem a rituais, outros buscam sua autojustiça na consciência do certo e errado, mas a justiça do homem é imundice para Deus. Is 64.6. A única justiça que é aceita no céu é a cruz. Por isso precisamos enxergar que só através de Cristo podemos ser aceitos junto ao Pai.

Quantas vezes precisamos compreender que não somos salvos pelo nosso mérito mas pela Graça redentora de Jesus.
A Cegueira da Obra
Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue? Romanos 10:14
Esse tem sido o maior desafio para a Igreja neste tempo de hoje é fazer com que os cristãos enxerguem, a urgência do chamado para resgatar vidas.
O mundo está perdido e o ministério do Espírito Santo é fazer as pessoas reconhecerem a dependência de crer em Cristo, por isso fomos cheios para encher outros desse amor.
Somos a geração que enxerga bem o projeto de Deus! Somos a geração dos chamados a viver longe da cidade da cegueira. Amanhã será tarde demais, hoje é o tempo de Deus para ganharmos almas. Vamos libertar outros das trevas. Eu e minha casa serviremos ao Senhor.
Oração:
Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Romanos 10:13
Jesus está nos chamando a enxergar o projeto dEle para nossas vidas, família e nosso futuro. O céu é o lugar preparado para nós.
Oração de entrega. Oração de milagre. Comunhão ...

Ap. Cassius Marcello

QUANTO MAIS VALE UM HOMEM DO QUE UMA OVELHA

E, partindo dali, chegou à sinagoga deles. E, estava ali um homem que tinha uma das mãos mirrada; e eles, para o acusarem, o interroga...